De olho na notícia!

Homem é preso pela PRF de Linhares com cinco CPFs diferentes e carro com ocorrência de furto ou roubo.

O condutor não possuía CNH, não portava documentos do veículo e o mesmo ainda possuía evidencias de adulteração.

Na noite deste domingo (4/11), Policiais Rodoviários Federais prenderam um homem que conduzia um automóvel HB 20S, 1.6 A, Premium, placas PPG 6251, cor cinza, quando o mesmo saiu da estrada de Jataipeba e passou a trafega na BR 101, no KM 150, no sentido centro de Linhares.
O automóvel foi acompanhado pelos policiais até as proximidades do Hipermercado Casagrande, onde foi dada a ordem de parada e foi iniciado os procedimentos cabíveis. Foi pedido ao condutor a sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), e o mesmo declarou que não a possuía, foi pedido também o documento do veículo, Certificado de Registro e Licenciamento (CRLV), ele disse ter adquirido o veículo em Vitoria e não portava o documento. Mediante a não apresentação destes documentos os agentes da PRF passaram a fazer uma busca mais minuciosa dos elementos identificadores do veículo, e ficou constatado que: O padrão de gravação do chassi (VIN ou NIV), apresentava discrepância com o padrão utilizado pelo fabricante; só foi apresentada uma etiqueta com o número do VIS no cofre do motor, e a mesma apresentava sinais de adulteração; a gravação do VIS nos vidros apresentava padrão diferente do que é disponibilizado pelo fabricante.
Em consulta sobre o veículo ficou constatado, que a placa verdadeira do mesmo era: PPI 1058 e que o carro era produto de furto ou roubo, conforme ocorrência do RENAVAN.
O suspeito foi questionado sobre como e qual o valor pago pelo veículo, ele disse ter comprado o mesmo em um portal na internet e ter pago o valor de R$ 18.000, sendo que o valor do veículo pela tabela FIPE é de aproximadamente R$ 47.000,00. O condutor do veículo não apresentou nem um documento que comprovasse a negociação do carro. Diante da constatação dos fatos os policiais deram voz de prisão ao indivíduo e o encaminhou para a 16ª Delegacia Regional da Policia Civil de Linhares, para as devidas providências. Na ocorrência ainda foi constatado que o detido possuía cinco CPFs em seu nome com números diferentes.

You might also like