De olho na notícia!

CASO PASTOR GEORGE – Pastor tem prisão prorrogada por mais 30 dias

Alegando esta diante de um suposto duplo homicídio qualificado Juiz justifica prorrogação da prisão do pasto

O pastor George Alves, pai de Joaquim e padrasto de Kauã, irmãos mortos carbonizados em Linhares, no dia 21 de abril, teve a prisão temporária prorrogada por mais 30 dias

A decisão de prorrogar a prisão foi tomada pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Linhares André Dadalto.

O pedido da prorrogação da prisão do pastor foi pedido pela policia e o Ministério Público, as duas instituições afirmaram que ainda precisam fazer algumas diligências antes de concluir o inquérito. “No caso em apreço, estamos diante da investigação de suposto duplo homicídio qualificado consumado, onde o indiciado está  sendo investigado como sendo o suposto autor dos fatos narrados pelos delegados de Linhares e pelo Ministério Público, verificando plausível e justificada a representação, inclusive pelo fato de existir legislação em vigor para tal”, diz  trecho da decisão do juiz André Dadalto.

 

 

Fonte – gazetaonline

You might also like